sábado, 15 de outubro de 2016

Horário de verão


    Oi gente! Não sei vocês, mas eu quase entro em depressão quando chega o horário de verão. Vem aquela sensação de que vai começar tudo de novo, um cheiro de verão, um cheiro de praia, um cheiro de mar. Na região onde eu moro, já dá pra ver de longe os "sintomas" do verão. O rosto das pessoas fica mais animado. Aquela sensação de alegria de rever os amigos que por vezes veem só no verão, e depois acaba tudo novamente.


    O verão sempre foi um época de acontecimentos na minha vida. Novas amizades, novos amores e novos ares. Sim, o clima muda, o cheiro muda, a textura das coisas muda. A cada momento da minha vida que as coisas mudam, o início é um verão. O verão em que o conheci, o verão em que relembrei minha infância, o verão onde tudo teve início e então acabou abruptamente. Sinto o cheiro dele da minha janela. Não sei descrevê-lo, mas sei que é intenso, como se pudesse dizer "Estou chegando!".


    De fato, ele está. O verão onde vai ser tudo ou nada, o verão antes de terminar o último ano, o verão antes de entrar pra faculdade. Dizem que esse é o que mais temos que aproveitar, mas para mim verão perde o sentido se eu não estiver sentada na área de uma casa de praia. Sempre foi assim, a minha vida inteira, esse foi o cheiro e a visão do verão, mas agora não é mais.


    É, ele realmente está aí. Posso perceber pelo vento que bate no meu rosto. Ele migra para outros lados, e quando vem chegando, o verão o espanta. Aquele calor, aquela pressão, como se a densidade do ar fosse tão mais tão grande que não me permitisse respirar. E então vai embora, como se nunca tivesse chegado.


Nenhum comentário:

Postar um comentário